Natália Borges Polesso

Foto: Livia Pasqual

Natália2Livia_Pasqual.jpeg

Natália Borges Polesso nasceu em Bento Gonçalves em 1981 e é doutora em teoria da literatura. Publicou Recortes para álbum de fotografia sem gente (2013), Coração à corda (2015), Pé atrás (2018) e Amora (2015), livro vencedor do Prêmio Jabuti 2016, em que explora as nuances das relações homoafetivas entre mulheres. Em 2017, foi selecionada para a coletânea chilena Bogotá39. O romance Controle (2019) foi finalista do Prêmio São Paulo de Literatura. É também uma das autoras de Corpos secos (2020), também vencedor do Jabuti e de A extinção das abelhas (2021). Em breve fará sua estreia na literatura infantojuvenil com o livro Formiguinhas. Seu trabalho já foi traduzido para o inglês e o espanhol e sua obra está publicada em diversos países.

Foto da galeria: Gabriela Oltramari